segunda-feira, 26 de março de 2007

Dessalinização não é solução para Portugal




"O recurso a água do mar para abastecer populações e regar culturas está publicamente fora de causa. Se algum investidor privado quiser entrar nessa aventura, o Governo não se opõe. Mas tanto o ministro do Ambiente, Nunes Correia, como o presidente da "holding" Águas de Portugal, Pedro Serra, colocam uma pedra sobre o assunto.


"Está absolutamente fora de questão", enfatiza o gabinete governamental. Uma das razões para a rejeição reside nos custos incomportáveis da solução - útil apenas quando não há outras soluções."A dessalinização é sempre uma solução muito cara e deve ser usada em situações de carência, quando não há qualquer outra alternativa", sustenta o presidente da IGA - Investimentos e Gestão da Água, SA, que abastece a Região Autónoma da Madeira e é a única entidade em Portugal que explora uma unidade de dessalinização."


1 comentário:

Cláudio Gaudêncio disse...

É CARA PARA ESSES SRS QUE QUEREM VENDER ÁGUA AO PREÇO QUE BEM ENTENDEM ! HOJE É POSSIVEL FABRICAR ÁGUA DOCE A PARTIR DE ÁGUA DO MAR COM CUSTOS NA ORDEM DOS 70% MAIS BAIXOS QUE A REDE PUBLICA PARA HOTEIS E INDUSTRIA. DEPOIS DIZEM QUE SOMOS POUCO PRODUTIVOS MAS O PROBLEMA NÃO ESTA NA MÃO DE OBRA , MAS SIM NOS LOBIES DA ÁGUA , DA LUZ ... QUEM QUISER VER POSSO MOSTRAR AS 2 OU 3 QUE ESTÃO LICENCIADAS CLARO!